sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

VOCÊ CONSEGUE DIZER: WIZARDING WORLD OF HARRY POTTER?

Nossa viagem foi assim:
Época: janeiro *****
Faixa etária das crianças: 7-9 anos ********** (isso mesmo, se suas crianças - pequenas ou grandes - são fãs de Harry Potter, esse é o melhor lugar do mundo)

Castelo de Hogwarts
O nome é complicado para nós, brasileiros, mas não impediu centenas de conterrâneos de invadirem a terra de Harry Potter, no Universal´s Islands of Adventure. Em certos momentos, parecia que estávamos mesmo no Brasil, de tanto português que se falava no lugar. O que nos lembrava que estávamos no "reino da fantasia" americano, Orlando, eram o castelo de Hogwarts e a vila de Hogsmead, iguaizinhos aos dos filmes...

Todas as maravilhas que se ouve falar sobre o Wizarding World of Harry Potter (WWHP - O Mundo Bruxo de Harry Potter), nós pudemos verificar pessoalmente: é a mais pura realidade. Melhor dizendo, é a mais pura magia! O novo setor do parque Islands of Adventure é uma réplica muito bem feita dos cenários dos filmes, e nesse post vamos dar todas as dicas para você visitar o lugar sem (muito) stress. Para quem não sabe, o WWHP é a novidade mais disputada dos parques dos EUA, e, como tal, obviamente tem atraído multidões, que esperam até 4 horas para entrar no lugar!

Nesse post, daremos algumas dicas práticas que utilizamos para visitar a famosa terra de Harry Potter, que você também poderá seguir, para não ficar pagando mico em filas longuíssimas.

Planejando a visita

Antes de pôr o pé no parque, você precisa definir alguns detalhes. O primeiro deles é quanto tempo você vai precisar. O Universal Orlando é formado por 2 parques, o Universal Studios e o Islands of Adventure. Se você não conhece nenhum dos dois, ambos valem a visita. Nos brinquedos em geral, o Universal é melhor, tem mais atrações e mais variedade. Só que 3 dos melhores brinquedos de todo o Universal ficam no Islands: Forbidden Journey, do Harry Potter, Spider Man e Dragon Challenge. Nos dois parques tem muito mais atrações para crianças maiores, adolescentes e adultos, do que para crianças pequenas. Então, via de regra, você vai precisar de um dia para cada parque, se estiver entre adolescentes e adultos; ou de um dia para os dois parques, se estiver com crianças pequenas.

Decidido o tempo que vai passar, entre no site do Universal (http://www.universalorlando.com/) e compre os ingressos escolhidos online. Além de definir a quantidade de dias, você tem que decidir se vai querer um ingresso que permita passar de um parque ao outro no mesmo dia (park hopper). Ainda que resolva visitar em 2 dias, faça a opção pelo park hopper. Devido ao Harry Potter, o Islands of Adventure fica muito mais cheio que o Universal, principalmente no meio do dia. Então, um bom plano pra visitar os 2 parques, ainda que em 2 dias, é ir cedo ao Islands para ver Harry, no meio do dia passe para Universal e ande nos brinquedos legais que tem lá (provavelmente sem muita fila), e volte para o Harry no fim do dia, para fazer compras e tomar butterbeer (detalhes mais adiante).

O site do Universal é muito prático porque você pode comprar online e imprimir seus ingressos em casa. Assim, pode entrar direto na fila da catraca, não precisando passar por bilheterias para trocar voucher. Além disso, normalmente oferece um pequeno desconto sobre o preço de tabela. Se não quiser comprar online, pode fazê-lo no seu hotel em Orlando (desde que não seja na Disney), ou então passar na loja do Universal que tem no aeroporto de Orlando, na chegada, e comprar os ingressos lá. Se seu pacote já inclui os ingressos do Universal, melhor ainda.

Tempo de espera:
nada confiável
A outra decisão que você vai ter que tomar é se vai utilizar o Express Plus - um passe que permite que você "fure fila", passando por uma entrada paralela. O Express Plus só pode ser usado uma vez em cada atração (o passe é escaneado na entrada pelo funcionário), e por enquanto NÃO inclui o Forbidden Journey do Harry Potter. O problema de não ter o Express é que, se de repente entrarem 20 pessoas com o passe na fila expressa, eles simplesmente param a fila normal até todo mundo ter passado. Em tempo: não confie na previsão de espera que aparece na entrada das atrações do Universal e Islands. Ao contrário da Disney, o tempo não é medido sistematicamente; é um funcionário que "vira" o reloginho na base do olhômetro mesmo. E se um monte de gente com passes Express entrar de repente, 20 minutos de espera podem facilmente virar 40.

Outro detalhe: como o Islands fica cheio, sem o passe você não consegue andar em quase nada. Já no Universal geralmente não é preciso usar o passe, pois as atrações têm pouca espera. Em resumo, se você tiver dinheiro sobrando, compre o passe para evitar passar aborrecimento no Islands. Se estiver com orçamento apertado, corra para as atrações mais concorridas no começo do dia, e deixe as dispensáveis para o final. Assim, se você acabar não conseguindo ir nessas, não estará perdendo nada.

A "vantagem" do Express Plus é que você pode comprar lá dentro do parque. Então você tem a opção de comprar o ingresso normal online, e decide se vai precisar do passe quando chegar lá. Outra pegadinha é que o preço do Express muda de dia pra dia, de acordo com a previsão de público para cada dia - dias mais cheios, passes mais caros. Você deve estar pensando que o esquema do Universal é meio mercenário, discriminando o visitante que tem menos dinheiro pra gastar. Má notícia: é mesmo. Totalmente mercenário. Mas para visitar WWHP você vai ter que tolerar isso.

A última - e não menos importante - decisão que você tomará é o dia a visitar. Logo de cara descarte os fins-de-semana e feriados americanos. Até mesmo as semanas anteriores e posteriores aos feriados têm frequência mais alta nos parques. Escolha uma semana sem feriado por perto, e de preferência uma segunda ou terça-feira. Nesses dias, o Harry Potter ainda fica cheio, mas menos do que nos fins-de-semana, quando, aos turistas estrangeiros, somam-se hordas de americanos que também querem conhecer o novo setor. As férias de julho obviamente não são recomendadas, então, se você não tiver outra época pra visitar, arme-se de uma dose bem grande de paciência.

Existe também a opção de se hospedar nos hotéis do Universal. Há inúmeras vantagens, como poder entrar mais cedo no parque e ter acesso preferencial às atrações. Nunca ficamos lá e não conhecemos ninguém que tenha ficado, portanto não podemos dizer se vale a pena.

Chegando lá

 
Entrada do Forbidden Journey
 A maioria das pessoas que vai a Orlando aluga um carro. Se esse for o seu caso, planeje-se para chegar no Universal 45 minutos antes da abertura. Para ter uma ideia, da região da Disney até o Universal o trajeto leva em torno de 20 a 30 minutos. Quando for passar pela guarita do estacionamento, peça para o atendente "preferred parking". Custa apenas 5 dólares a mais, mas dá a você o direito de estacionar no setor mais próximo à entrada do parque, logo depois do setor de deficientes. Se você está achando que isso também é mercenário, é porque é. Mas vale a pena (ao contrário do Express Plus, que tem um preço exorbitante), pois você estará a uma curta caminhada do parque. Não se esqueça de anotar o setor e o número da vaga em que estacionou (dica: tire uma foto da placa do estacionamento com o celular).
Não recomendamos ir ao Harry Potter de excursão, pois os grupos que presenciamos chegaram um pouco tarde, andaram muito devagar, e enfrentaram filas enormes para entrar no brinquedo principal do WWHP, o Forbidden Journey.

Depois de estacionar seu carro, você deverá seguir, a pé, as placas que indicam a entrada dos parques. Ao contrário da Disney, no Universal o estacionamento é centralizado e tudo é acessível a pé. Para chegar ao Islands, você precisa atravessar o "centrinho" do Universal, o Citywalk (com restaurantes e lojas). Quando chegar ao fim do Citywalk, você estará em frente a um lago. Contorne o lago pela esquerda para chegar mais rapidamente ao Islands. Vá pela direita se quiser ir ao Universal primeiro. Se já estiver com os ingressos na mão, basta se colocar na frente de uma das catracas e aguardar a abertura. Pontualmente no horário previsto os funcionários começarão a escanear os ingressos para as pessoas poderem entrar.

Dentro do parque

Hogsmeade é composta por
inúmeras lojas
Uma vez dentro do Islands of Adventure, você vai dar de cara com um centro de visitantes onde há aluguel de carrinhos e armários (os armários ficam num canto mais à esquerda da entrada). Alugue um armário nesse local, assim que você passar pela catraca. Guarde todos os seus pertences, se quiser andar no Forbidden Journey, pois nessa atração não são permitidos objetos soltos. O máximo que recomendamos levar é uma câmera portátil, se ela couber no seu bolso. Mantenha com você também dinheiro para fazer compras em Hogsmeade. Guarde todo o resto, e só depois siga para dentro do parque. Se você chegar ao Forbidden Journey com bolsas ou mochilas, vai ter que guardar nos armários da própria atração, o que é um processo confuso e que toma um precioso tempo.

O Universal ainda está testando variações logísticas para a entrada ao WWHP. Vamos relatar aqui o que aconteceu no dia de nossa visita, mas já ouvimos falar de vários outros esquemas diferentes, então pode ser que, no dia que você for, aconteça de outra maneira. A entrada do parque se dá por uma "rua" que passa sob uns arcos de pedra, e, depois dessa rua, você estará de frente para o lago do parque. Teoricamente, contornando esse lago pela direita você chega ao WWHP mais rapidamente, mas no dia em que visitamos não era permitido ir por esse lado. Fomos, então, pela esquerda do lago.

Funcionários seguram a multidão
em sucessivos bloqueios.
Os funcionários não deixam a multidão avançar de uma vez até a entrada do Forbidden Journey. Anda-se até um ponto, onde é feito um bloqueio. Dali a alguns minutos, abre-se esse bloqueio e todo mundo anda até um novo bloqueio. E assim por diante. Ao todo, paramos 3 vezes antes de chegar à entrada do Forbidden Journey. No último bloqueio, algumas pessoas saem correndo, algo desnecessário e perigoso. Nós andamos rápida mas calmamente, e não enfrentamos sequer um minuto de fila. Apenas acompanhe a multidão, pois só há um caminho a seguir; nesse parque praticamente não há desvios ou bifurcações.

Pessoas correm em direção
a Hogwarts
Aproximando-se da área do WWHP, você avistará o Castelo de Hogwarts. Se quiser ir ao Forbidden Journey, mantenha-se à esquerda, pois o acesso de manhã cedo é feito pela saída de emergência do brinquedo, que é uma rampa à esquerda do caminho. Se você quiser ir direto para Hogsmeade, mantenha-se à direita, e não precisará enfrentar nenhuma fila.

Os funcionários do Universal direcionam o tráfego daqueles que querem andar no Forbidden Journey pela rampa da saída de emergência. Passando esse ponto, você já estará dentro da área da fila do brinquedo. Se já tiver guardado suas coisas num armário, poderá passar livremente para dentro do Castelo, onde uma aventura inesquecível estará esperando por você!

Por onde começar

Pelas explicações dadas até agora, você já percebeu que o primeiro brinquedo que você deve visitar, caso tenha interesse, é o Forbidden Journey. É a única atração realmente nova da área de WWHP, por isso atrai muita, mas muita gente mesmo. Os outros 2 brinquedos, Voo do Hipogrifo e Dragon Challenge, são antigas atrações repaginadas com o tema do Harry Potter.

Voo do Hipogrifo: montanha-russa
infantil.
Por incrível que pareça, o segundo a ser visitado é o Voo do Hipogrifo, uma montanha-russa infantil. Isso porque a fila se move com a mesma velocidade de um glaciar congelado, então se você não for logo de manhã, vai esperar no mínimo 60 minutos sem Express Plus, e cerca de 20 minutos com o passe. Se você tiver crianças pequenas, é a única atração do WWHP que elas poderão aproveitar, então com certeza vão querer ir.

Fila para comprar butterbeer.
Em terceiro lugar, NÃO está o Dragon Challenge, e sim a vila de Hogsmeade. O Dragon Challenge é uma montanha-russa excepcional, mas também um tanto radical, que não agrada a todo mundo. Por isso, só tem longas filas nos horários de pico (entre 11 da manhã e 3 da tarde). Para se ter uma ideia, às 10 da manhã a fila tinha apenas 10 minutos, e à tarde não havia espera alguma. Portanto, logo depois do Voo do Hipogrifo dirija-se diretamente a Hogsmeade, onde você deve visitar primeiro as lojas adjacentes ao Owl Post (correio "corujal"), onde está a famosa Olivaras. As lojas do outro lado da rua, Honeydukes (Dedosdemel) e loja de brinquedos dos gêmeos Weasley, enchem menos, portanto podem ser visitadas à tarde.

Butterbeer
Nesse momento, ainda que seja um pouco cedo pela manhã, experimente a butterbeer, a famosa bebida que os personagens do livro tomam em sua primeira visita a Hogsmeade. Mais tarde a fila fica insuportável e, honestamente, a espera e o preço não valem a recompensa: uma bebida muito doce com forte gosto de baunilha. Caso a fila do butterbeer já esteja longa demais, espere até o fim da tarde, ou vá ao Hog´s Head, o bar localizado atrás do Three Broomsticks. Se você já experimentou butterbeer e tem uma opinião diferente da nossa, poste um comentário!

Dragon Challenge:
excepcional!
Por último, vá à Dragon Challenge. Se ela já estiver com uma espera superior a 30 minutos, é melhor explorar as outras áreas do Islands ou Universal primeiro, e depois voltar para WWHP e andar na Dragon Challenge no fim do dia.

Nos próximos posts, vamos explicar com bastante detalhe cada um dos brinquedos, e principalmente o Forbidden Journey, para ajudá-lo a decidir quais lhe interessam mais. Vamos também detalhar as lojas e as mercadorias disponíveis, já que compras são o grande chamariz de WWHP, e dar dicas preciosas para você não passar horas na fila das lojas. Aguardem!

Por enquanto, veja as outras fotos em https://picasaweb.google.com/familiarecomenda/FAMILIARECOMENDAWIZARDINGWORLDOFHARRYPOTTER?authkey=Gv1sRgCOWHrMy3tLC7vQE#


Post gentilmente revisado por A.K.Arahata.

10 comentários:

  1. Muito bem acho que demos muita sorte. Fomos ao WWHP agora em janeiro em uma terça-feira e não enfrentamos nenhum bloqueio ou impedimento. Andamos direto até o FJ e pegamos a fila. O aluguel dos lockers adjacentes ao brinquedo é um processo lento, apertado e perigoso, vale seguir a dica da FR. Vocé vai notar que muitas pessoas pegam a fila com mochilas, comida, crianças bem pequenas....é pq a fila em si é uma parte da atracão, essas pessoas não vão ao brinquedo em si, mas o fato de estarem carregadas enquanto vc leu em todos os lugares que nada poderia ser levado, deixa a gente na dúvida o tempo todo de ter desperdiçado tempo e dinheiro no locker. Nós adoramos ao WWHP, mas é bom que se diga que é apenas um pedacinho bem modesto de um parque e não um novo parque, como muita gente pensa. E que para ser fiel ao livro, é apertado, apertado, apertadíssimo, as ruas não dão vazão ao fluxo de pessoas (que era até abaixo da média no dia em que fomos), as filas são mal organizadas, a lojinha é tão minúscula que dá raiva! Se não fosse Harry Potter, mas se não fosse Harry Potter....o problema é que é, então paciência! E quanto à cerveja amanteigada, meus filhos formigas adoraram...eu particularmente chamaria de tubaína com suspiro mole, doce doce de morrer.

    ResponderExcluir
  2. No dia que fomos, estava bem cheio, mas o Forbidden Journey não teve mais do que 60 minutos de espera no horário de pico, e em média a espera girava em torno de 30 minutos. Para ser honestos, a fila no momento da abertura não estava tão grande assim, então não entendi por que o pessoal do parque fez os bloqueios. Acho que estão mesmo fazendo vários testes. O mais importante é que, chegando cedo, não pegamos nem um minuto de fila no Forbidden Journey.
    Ah, e agradecemos à família Carvalho pela dica do preferred parking. Não só nos deixou mais perto do parque, como facilitou na hora de voltarmos para o carro para deixar as coisas no meio do dia (detalhe importante porque você vai querer comprar no WWHP)!

    ResponderExcluir
  3. OLá, estou indo visditar o parque em julho agora! estou em dúvida sobre uma coisa: eu quero muito ir ao FJ e também quero que a varinha me escolha no olivanders. Vocês acham que eu devo primeiro ir a FJ e depois entrar na fila do OLivanders, ou então ir ao OLivanders primeiro e depois a FJ?
    e assim, eu estou indo sozinha e com certeza vou fazer várias compras no parque. COmo eu faço com as sacolas de compra depois ? Não posso ir em nenhum brinquedo com sacolas né? pensei em deixar pra fazer as compras mais tarde e aproveitar os brinquedos primeiro, mas tem coisas que não tem como vc deixar de ter em mãos, como a carteira e maquina fotográfica. Tem como entrar em brinquedos com essas coisas?
    to super confusa, se puderem me escrevam um email com as respostas? tenho muitas dúvidas, e seria ótimo poder solucioná-las antes de viajar, pra não perder tempo lá no parque o dia. Meu email é gabriela.cisotto@gmail.com. Obrigada

    ResponderExcluir
  4. Oi, Gabriela,
    Obrigado pelo comentário. Ao invés de enviar um email, publicaremos as respostas (que soubermos) aqui mesmo, para que todos os leitores possam se beneficiar.

    Em primeiro lugar, como você vai sozinha, terá muito mais flexibilidade do que quem vai em grupo. A primeira coisa que você tem que descobrir para decidir se vai primeiro na Ollivanders ou no FJ é se a loja estará aberta no momento em que você entrar no parque. Se estiver, eu pessoalmente escolheria ir primeiro na Ollivanders. Isso porque a fila do FJ, por maior que seja, pelo menos ANDA, enquanto que a da loja de varinhas não. Caso o FJ abra alguns minutos antes do resto do WWHP, vá primeiro ao Castelo, depois à loja. De qualquer jeito, prepare-se para enfrentar um pouco de fila, pois são as 2 atrações mais cheias da nova área.

    Quanto às compras, dê uma lidinha no nosso post especificamente sobre compras em WWHP: http://familiarecomenda.blogspot.com/2011/02/vai-uma-nimbus-2001-fazendo-compras-em.html. Se você não tiver nenhum objetivo específico - tipo encomendas de familiares, ou itens que você faz questão absoluta de comprar - pode deixar para comprar tudo no final, na loja grande que tem na entrada do IOA, ou na loja do Citywalk. Nossa dica é ir à loja do Citywalk uma noite, antes do dia da sua visita ao parque. Olhe bem devagar, à vontade, e já compre tudo aquilo que acha que vai precisar. Quando você estiver no parque, visitando vários brinquedos legais, só precisa se preocupar em comprar uma coisinha aqui, outra acolá, para complementar a compra que você já fez.

    Quanto às sacolas, nós alugamos um locker bem na entrada do IOA, e ficamos com ele o dia todo. Assim pudemos voltar lá várias vezes para ir colocando as compras que fizemos. Para ir ao FJ sem precisar passar pelos lockers, deixamos tudo nesse locker e ficamos somente com a câmera portátil pendurada no pescoço, e o cartão de crédito/dinheiro no bolso. Guardamos a câmera no bolso do casaco na hora de entrar no FJ. Depois que fomos uma vez em cada brinquedo do WWHP, voltamos para buscar nossa mochila e ficar andando o resto do dia no parque.

    Note: o problema com os lockers é só no FJ, pois é muito cheio e o layout dos armários é confuso, o funcionamento é truncado, etc. No restante dos brinquedos, não há o mesmo tipo de problema. Veja mais explicações detalhadas sobre cada um dos 3 brinquedos no nosso post: http://familiarecomenda.blogspot.com/2011/02/um-passeio-emocionante-por-hogwarts.html.

    Esperamos ter respondido às suas perguntas. Se tiver mais dúvidas, poste e tentaremos ajudar!

    ResponderExcluir
  5. eu participei da selecao da varinha, e comprei a que me escolheu, e foi o mesmo preco que as outras, e a experiencia foi otimaa!!!!!!!!! apenas uma ps: a zonkos nao é os weasley, a gemialidades weasley que é deles.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal! Não sabíamos que era o mesmo preço que as outras. Por isso tanta fila! Da próxima vez vamos experimentar com certeza.

      Quanto ao nome da loja, lá no Islands of Adventure, a loja que vende os brinquedos como sneakoscope, extendable ears, etc, se chama, de fato, Zonko´s. Não nos lembramos do nome em inglês no filme, se é o mesmo ou diferente. Mas o que importa é chegar ao parque e saber onde encontrar os produtos, e é nesse link aqui:
      http://www.universalorlando.com/Shopping/Islands-of-Adventure/Zonkos.aspx

      Obrigado pelos comentários!

      Excluir
  6. Adorei o post, muito bem detalhado. Eu queria saber se nessas outras lojas que tem produtos do hayy potter, são os mesmos preços do que la no parque? eu devo ir em julho, que é alta temporada, e só vou ficar no WWHP até na hora do almoço, você me indica o percurso; Forbidden Journey, depois a montanha russa e por final Hogsmeade?
    E quanto você indicaria para levar e gastar ? Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os preços são os mesmos em todas as lojas do complexo do Universal.

      Sem dúvida é melhor começar por Forbidden Journey, depois a Dragon Challenge. Hogsmeade na verdade é uma ruazinha com várias lojas, por isso pode ser visitada a qualquer momento. A não ser que você queira ir no Olivaras, aí vai enfrentar fila.

      Quanto ao valor para gastar, depende do seu gosto e bolso. Diríamos no mínimo U$100,00 por dia para não passar aperto, mas muito mais que isso se for querer comprar bastante coisa e comer em lugares mais caros.

      Excluir
  7. Olá!
    Amei o blog!
    Mto detalista e deixa a gente mais tranquilo para se aventurar.
    Você sabe me dizer se no FJ pode entrar só na área de espera e depois sair sem entrar no brinquedo?
    Estou grávida e nao posso passar por esses movimentos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é totalmente possível passar só pela área da fila e não ir no brinquedo. Tem bastante gente que faz isso!

      Excluir

Mande seus comentários, perguntas ou mais dicas sobre este destino.