sábado, 21 de agosto de 2010

SURPRESA NO DESERTO EM LAS VEGAS



Foto do Red Rock Canyon por Neil Sobelson
Las Vegas é cheia de atrações diferentes, algumas bem conhecidas de todo mundo: fontes do Bellagio, cassinos, shows do Cirque du Soleil, etc. Mas de todos lugares, o que mais surpreendeu a gente não é high tech, não tem neon e nem efeitos computadorizados. Trata-se do Red Rock Canyon, uma das poucas atrações de Vegas que não foi feita pelo homem, e que poucos visitantes conhecem.

A maioria das pessoas que chega a Las Vegas trata logo de reservar um voo de helicóptero sobre o Grand Canyon, mas depois de pesquisar muito descobrimos que Vegas não é uma boa base para visitar o local. Isso porque você está restrito a ir de helicóptero e visitar somente os locais que permitem o pouso, além de pagar uma fábula (perto de US$ 500,00 por pessoa). Ou então pegar um longo trecho (3 horas só de ida) de ônibus, visitar um dos lados menos bonitos do Grand Canyon (West Rim) e ainda por cima ser apressado durante o passeio por causa da longa viagem de volta. Lendo esses depoimentos no TripAdvisor, decidimos visitar o Grand Canyon em outra ocasião, e começamos a pesquisar uma alternativa. Encontramos o Red Rock Canyon (http://www.redrockcanyonlv.org/), que é uma reserva a pouco mais de 100 km da cidade, em pleno deserto. É claro que se você for um daqueles sortudos que viaja com os grandes apostadores (ou se você mesmo for um high roller!) e pode pegar o passeio de helicóptero de graça, não deve perder a oportunidade. Mas se você for apenas um turista comum, Vegas tem um montão de coisas em que seus US$500,00 podem ser muito bem gastos!

Nosso guia foi Neil Sobelson, dono de uma empresa chamada Hike This (http://www.hikethislasvegas.com/), especializadíssimo em Red Rock Canyon (ele vai lá quase todos os dias). Ouvimos falar muito bem de Neil, e ele superou absolutamente todas as nossas expectativas! Contatamos Neil através de seu site, na internet, e fizemos a reserva por email. Ele foi nos buscar de Cherokee no hotel, guiou-nos pela reserva, sempre adaptando o caminho e o ritmo às nossas necessidades (um detalhe importante para quem quer se aventurar com crianças), forneceu o lanche, bebidas e até as mochilas para carregarmos nossas coisas. Nosso passeio todo durou das 9 às 13:00, mas se não fosse pelo cansaço poderíamos ter continuado. Neil fornece até mesmo um belo sanduíche no almoço, o qual comemos em mesas de piquenique, rodeados por lindas formações rochosas.

Pedras de várias cores
no Red Rock Canyon
Quanto à reserva em si, para nós brasileiros é uma paisagem absolutamente diferente e fascinante. As pedras, formadas por milênios de depósitos de areia, possuem várias camadas de cores vivas. Em meio às trilhas encontramos formações curiosas como pontes de pedra, covas e vistas maravilhosas a cada curva do caminho. As partes baixas são cobertas por cascalho e areia, onde as crianças podem brincar livremente. Para quem está acostumado com as trilhas do Brasil, sempre repletas de lama e escorregadias, é um alívio e algo bem diferente!

De acordo com Neil, com um pouco de resistência física e tempo, é possível alcançar o ponto culminante da trilha, de onde se avista a própria cidade de Las Vegas. Naturalmente, estando com crianças não chegamos nesse ponto, mas a julgar pelo pouco que vimos da trilha, deve ser muito legal.

Ponte de pedra natural
Como todo parque nos Estados Unidos, o Red Rock Canyon Reserve é muito bem administrado e pode ser facilmente visitado sem guia. Você pode alugar um carro e dirigir até mesmo dentro do parque, pois as trilhas são todas distribuídas ao redor de um caminho de asfalto chamado "scenic loop" (volta panorâmica). Muitas pessoas inclusive fazem somente o loop de carro, e não chegam a pisar numa trilha. Mas é claro que é muito mais divertido descer e fazer uma das trilhas, que são todas muito bem sinalizadas e demarcadas no mapinha que é entregue na portaria do parque. Basta estacionar o carro em um dos muitos bolsões de estacionamento que há no começo de cada conjunto de trilhas, e seguir as placas indicativas.

É claro que, se sua família tem pouca ou nenhuma familiaridade com trilhas, é praticamente obrigatório contratar um guia, pois há uma boa chance de você se perder. Além disso, o clima é muito árido e, se você ficar sem água, pode ser uma encrenca daquelas! Portanto, de acordo com as necessidades da sua família, você pode optar por ir por conta própria, ou com um guia. Se escolher a opção do guia, sem dúvida a Hike This é uma excelente opção.

Subidas bem aderentes
Seja como for, é importante levar chapéu, óculos de sol, câmera fotográfica, e calçar tênis leves e flexíveis. As trilhas de lá são secas, leves e muito aderentes, portanto você não vai precisar de pesadas botas de trilha. Se for no inverno, um agasalho é essencial, pois nas partes sombreadas da trilha faz frio. No verão esse passeio não é recomendado, pois em Las Vegas a temperatura pode passar dos 35 graus.

Se você for por conta própria, não esqueça de levar filtro solar, protetor labial, bastante água, um lanche leve (tem áreas para piquenique) e uma mochila pequena para carregar tudo isso. Se for com Neil, não precisa se preocupar com essa última listinha, pois ele leva tudo para você.

Então da próxima vez que for a Las Vegas, na hora em que ficar cansado de ganhar dinheiro no cassino e do dim! dim! dim! dos caça-níqueis, dê um pulinho no Red Rock Canyon. Temos certeza que você vai gostar!


4 comentários:

  1. Angela Kim Arahata22 agosto, 2010

    Texto super gostoso de ler, adorei!

    ResponderExcluir
  2. Olá, gostei muito do texto!! parabéns pelo blog (sempre estou por aqui lendo).

    Não sou muito chegada em passeios ecológicos (nunca fiz nenhum também) mas como vou para Las Vegas penso em conhecer um deserto. A principio pensei em ir no Grand Canyon por ser mais ''famoso'' mas queria ir de carro e se hospedar por lá e voltar. Mas não entendo de passeios naturais e acho que não iria gostar de fazer trilhas, apenas ter uma ideia do lugar, tirar fotos e apreciar a paisagem por ser completamente diferente do que estou acostumada a ver.

    Minha duvida não sei se é boba, mas mesmo assim vou perguntar, qual a diferença do Gran Canyon para o Red Rock Canyon? Ambos não são desertos? Pq então ir tão longe, se o Red Rock fica bem mais perto de Vegas?? Na minha cabeça se eu for em um não precisarei ir no outro pq não deve mudar muita coisa, não é ?

    Obrigada! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Grand Canyon não está no mesmo nível do Red Rock Canyon. Os dois são deserto e são muito bonitos, mas o Grand Canyon é espetacular, uma das atrações mais visitadas do mundo.

      Caso tenha tempo de dormir uma ou duas noites no Grand Canyon, vale a pena ir até lá. Só escolhemos o Red Rock porque dispúnhamos de poucos dias em LV, e não nos arrependemos, pois é muito bonito! Mas o Grand Canyon com certeza é muito mais, e, aficionados que somos por belezas naturais, estamos deixando a visita ao Grand Canyon para uma ocasião em que possamos passar uns 4 dias no lugar.

      Quanto à sua visita, sugerimos escolher uma das partes com mais infra estrutura do Grand Canyon, para poder fazer caminhadas curtas, passeios de van, etc, de modo que não precise começar sua vida de ecoturista com cansativas e longas caminhadas. Sabemos que, numa das partes mais próximas a LV, há uma passarela de vidro suspensa sobre o precipício, mas não sabemos como é, pois nunca estivemos lá.

      Excluir
  3. Obrigada Familia!

    Vou procurar saber então sobre hospedagem no Grand Canyon. Se sobrar tempo na minha viagem vou nele, senão vou no Red Rock Canyon. :)

    Precisaria de guia tb para o Grand Canyon por ser bem maior? A empresa que vc falou também leva para o Grand Canyon? Não quero ir de helicoptero como a maioria das pessoas fazem.

    ResponderExcluir

Mande seus comentários, perguntas ou mais dicas sobre este destino.